Guia online do Usuário v4.0 até v4.10 do DivEs - Diversidade de Espécies

Atenção: Versão atual do software 4.10.345.1912

Atualizar

Tópicos

ANOVA One-Way (Fator Único): v.4.4

A ANOVA é um teste paramétrico (possui estimativas de parâmetros) utilizado quando o pesquisador deseja verificar se existem diferenças entre as médias de uma determinada variável (variável resposta) em relação a um tratamento com dois ou mais níveis categóricos (variável preditora)[1]

Para realizar a ANOVA, temos que entender alguns aspectos teóricos, como os grupos e repetiçoes ou n. Os grupos são no caso do dados inseridos no DivEs as amostras ou colunas, que constitui grupos independentes, já as repetiçoes, são as espécies ou linhas.

Antes de iniciar a analise é recomendado usar a ferramenta de Normalidade dos dados do software, pois a ANOVA deve ser aplicada em dados com distribuição normal e portanto, os dados devem ser normais ou ser normalizadso através da ferramenta de transformação de dados do DivEs.

Restrições da ANOVA[2]

  • Os resíduos (observação menos a média) devem ser normais ou próximos da normalidade.
  • As variâncias de cada amostra devem ser iguais. Caso não seja, é possível padronizar dividindo pela variância amostral de forma a obter variância igual a um em todos os grupos.
  • As amostras devem ser independentes.

Interpretando a Tabela da Análise de Variância[2]

Analysis of Variance Table
     Response: valor
                Df     Sum Sq     Mean Sq    F value       Pr(>F)    
     grupo       2     1368.65     684.32     697.89    < 2.2e-16 ***
     Residuals 297     291.23       0.98

Esta é uma tabela ANOVA comum. A primeira linha corresponde à análise de variância dos grupos/amostras/tratamentos, enquanto que a segunda linha representa a análise de variância dos resíduos. Na primeira coluna temos os graus de liberdade, seguido da soma de quadrados (Sum Sq), Soma média de quadrados (Mean Sq) que nada mais é que a soma de quadrados divididos pelos graus de liberdade, Em seguida, temos o valor da estatística F utilizada para realizar o teste de hipótese (F value) e por último o p-valor (Pr(>F)).

No fim das contas, o que provavelmente mais importa para você é o p-valor, valor da última coluna. Se o p-valor é abaixo do nível de significância estabelecido, geralmente 0,05 (5%), então existe pelo menos uma diferença significativa entre dois grupos. CUIDADO: observe que foi dito, pelo menos uma diferença significativa entre dois grupos, ou seja, um p-valor significativo não quer dizer que a média é diferente em todos os grupos, mas sim que existe pelo menos um grupo de média diferente dos demais. Por isso a importância de se observar os gráficos para verificar qual o grupo diferente.

Referências

[1] Pós-Graduando, 2014.Como fazer Análise de Variância One-Way (ANOVA One-Way) no R.

[2] Franco, Gabriel, 2016. ANOVA: como utilizar e aplicar.


Como citar este texto:

Rodrigues, W.C., 2020. ANOVA One-Way (Fator Único). DivEs - Diversidade de Espécies v.4.10 (AntSoft Systems On Demand) - Guia do Usuário. Disponível em: <http://dives.ebras.bio.br>. Acesso em: 19/02/2020


Texto criado em: 30/08/2018 - Atualizado em: 30/10/2018

Você é o visitante de número: 3.579