Guia online do Usuário v4.0 até v4.10 do DivEs - Diversidade de Espécies

Atenção: Versão atual do software 4.10.345.1912

Atualizar

Tópicos

Distância Euclidiana: v.4.0

Uma das medidas de distância muito comum é a distância euclidiana, baseada na medida em um sistema de coordenadas cartesianas. Podemos usá-la para expressar a distância entre duas amostras de vegetação ao registramos as abundâncias de cada espécie. Se registramos apenas duas espécies, suas abundâncias podem ser representadas em um plano cartesiano, em que no eixo X temos a abundância de uma das espécies e no eixo Y a abundância da outra espécie (ECOVIRTUAL).

Nesse caso a distância euclidiana pode ser descrita como a distância entre duas parcelas medidas por unidades de indivíduos de duas espécies. Para calcular a distância utilizamos o teorema de Pitágoras e calculamos a hipotenusa (ECOVIRTUAL).

Há duas equações que no final apresentam o mesmo resultado matemático. São elas:

d_E=\sqrt{(x_1-x_2)^2 + (y_1-y_2)^2}

Onde x1, x2 são as abundâncias de uma espécie nas parcelas 1 e 2, e y1, y2 são as abundâncias da outra espécie nas mesmas parcelas.

d_E\ = \sqrt{\sum_{i=1}^S(n_{i1}-n_{i2})^2}

Onde ni1 e ni2 são as abundâncias da ii-ésima espécie na primeira e segunda parcela, e SS é o total de espécies, como já definido.

Exemplo de um relatório de cálculo da Distância Euclidiana.


Como citar este texto:

Rodrigues, W.C., 2020. Distância Euclidiana. DivEs - Diversidade de Espécies v.4.10 (AntSoft Systems On Demand) - Guia do Usuário. Disponível em: <http://dives.ebras.bio.br>. Acesso em: 30/03/2020


Texto criado em: 01/05/2017 - Atualizado em: 01/05/2017

Você é o visitante de número: 4.108